Goetia Simplificada — Frater Michael Sebastian Lùx

O SUBMUNDO

Para muitos aspirantes a magista, a prática da evocação mágicka de forças demoníacas sugere imagens de magos medievais trajando longos robes, armados com varinhas e espadas, de pé em círculos evocando agentes do Inferno a fim de realizar pactos para obter riqueza, amor, eterna juventude, ou qualquer outra coisa que convir à vaidade do intrépido bruxo. Talvez seja esta imagem e os métodos aparentemente difíceis de preparação das ferramentas dos rituais, memorização de longas conjurações e exorcismos, e a incompreensão das prosaicas forças ligadas à nossa realidade espiritual, o que tem feito a prática da evocação goética ser muito denegrida e incompreendida, mesmo por alguns dos grandes adeptos da nossa atualidade. Até que ponto esse viés é merecido ou não está totalmente aberto ao debate. A meu ver, no entanto, seus benefícios não podem ser questionados por aqueles determinados a tomar as medidas necessárias para se envolverem com essas forças…

Ver la entrada original 3.615 palabras más

Anuncios

Goddess Temple: The Worldly Left-hand Path Consorts

The Setian Illuminati

The ancient Egyptian Goddess Seshat, she who measures temple space, is depicted with a hemp leaf in her head dress. Pharaoh Tuthmosis III (1479 to 1425 B.C.E.) called her Sefkhet-Abwy (She of the seven points). Hemp was used to make measuring cords, and paper. Seshat was the Goddess of libraries, knowledge, and geomancy. She stands upon a marijuana flower bud, amidst a field of hemp bushes, with a hookah pipe, as she measures with tool, and cord. Spell 10 of the Coffin text states “Seshat opens the door of heaven for you”.

Seshat

Hecate, the Goddess whose name means 100th part, most likely an homage to the seasonal sewing of seeds. She hails from Anatolia, present day Turkey. Later recognized in Greek culture, then later re-identified by the Romans as “Trivia”. Hecate’s incense is burned at crossroads, during twilight, and it is purified when the moon’s rays are shining on it…

Ver la entrada original 557 palabras más

COMUNICAÇÃO COM DEMÔNIOS

O SUBMUNDO

A comunicação com os demônios é uma parte vital da Demonolatria e prática frequente no satanismo teísta. A comunicação não é usualmente considerada um ato mágico per se, mas graças aos demônios você pode ter novas Ideias que podem melhorar sua vida em algumas áreas — da mesma forma como poderia ocorrer ao fazer uma ritual ou enquanto lança um feitiço, ou durante uma visualização, etc. Quando estamos aptos a sentir demônios e suas respostas, nós podemos trabalhar magicamente em harmonia (por exemplo: enquanto dirige energias). A obtenção de insights extra-sensoriais (não através de meios físicos usuais) pode ser vista como magia. Na minha opinião, ser sensível às energias espirituais também significa ser sensível às energias mágicas que você pode utilizar, as quais proporcionam resultados tangíveis em nossa vida. É por isso que a comunicação com demônios, na minha opinião, é um parcela significativa da magia satânica, especialmente quando…

Ver la entrada original 1.437 palabras más

Ritual Offerings : Feeding Your Spirits, Empowering Your Magick

Ananael (The Secrets of Wisdom)

Greetings fellow sorcerers!

Ritual Offerings Inside-Cover Ritual Offerings: Feeding Your Spirits, Empowering Your Magick (inside cover art)

As many of you know, since I’ve teased it here and there over the past few months, I have been editing a new anthology for Nephilim Press entitled Ritual Offerings: Feeding Your Spirits, Empowering Your Magick.

Throughout history, ritual offerings have been the central pillar of all magick (and religion). Very often, a magickal ritual consists of nothing more than the making of a prescribed offering to a particular spirit in a specified time and place. Yet, here in the West, the making of an offering has been equated with the worship of the spirit receiving it. The act of offering a spirit something as payment for services rendered has close associations with the dreaded “pact with the Devil,” by which a magician surely sells his soul to damnation.

But, to the rest of the…

Ver la entrada original 792 palabras más

RITUALÍSTICA – INVOCAÇÕES QLIPHÓTICAS E SEPHIRÓTICAS

O SUBMUNDO

image

Saudações!

Aos leitores, livro Ritualística para o Dia a Dia – Invocações Cerimoniais Qliphóticas e Sephiróticas, autografado. Pode ser adquirido diretamente com o autor (adrianocmonteiro@hotmail.com), por 23 reais, incluindo a postagem.

Nesta sua quinta obra publicada pela Madras Editora, o autor procura sintetizar e focalizar a prática básica da Cabala Qliphótica e Hermética para fins específicos, fornecendo informação para uma aplicação real do conhecimento no dia-a-dia. Aqui, o leitor terá um contato teórico e prático, de maneira simples, inteligível e didática, com a ritualística. Os rituais são apresentados detalhadamente, passo a passo, colocando assim o indivíduo em contato com as forças representadas pelas esferas cabalísticas/planetárias em seus aspectos “noturnos” e “diurnos”. Cada um desses rituais busca englobar as principais necessidades, vontades e anseios humanos nos níveis material, astral (emocional), mental e espiritual. Portanto, o leitor tem aqui uma fonte para buscar melhorar a si mesmo e obter um crescimento…

Ver la entrada original 86 palabras más

Reglas elementales que un mago ha de respetar

El Templo de la Luz Interior

libro-magia

Para que sus rituales tengan los efectos que usted pretende, y sus invocaciones y plegarias se cumplan, el Mago ha de respetar normas fundamentales. Los postulados de la antigua Magia siguen vigentes hoy en día y responden a leyes inmutables; ya que, como todo en este mundo, esta Ciencia o Arte también tiene sus normas.

En este caso, se basan en la convicción de que, a través de la voluntad del Mago y realizando determinados actos, se puede modificar la realidad. La Magia es una fuerza que se canaliza y se dirige intencionalmente con un fin. Para poder practicarla correctamente, es conveniente conocer esos principios que la rigen.

Primera ley: La unidad del Todo
Dios es la mente universal que todo lo contiene. Es el poder del Verbo. La herramienta fundamental del Mago es su “mente”. De ella parten la Imaginación y la Voluntad, la Fe y la Fuerza. En…

Ver la entrada original 713 palabras más